Construtivismo

Construtivismo

Construtivismo

O construtivismo é uma teoria da aprendizagem, também entendida como uma corrente pedagógica, que tem como principal foco o entendimento da obtenção da aprendizagem relacionado com a interação do indivíduo com o meio. Foi desenvolvido pelo psicólogo e epistemólogo suíço Jean Piaget, no início da década de 1920. Também foi de fundamental importância, para o desenvolvimento do construtivismo, as pesquisas realizadas pelo psicólogo russo Lev Vygotsky.

Devemos também destacar o importante papel da psicóloga argentina, seguidora de Piaget, Emilia Ferreiro. Esta foi de fundamental importância, pois desenvolveu o construtivismo no campo da alfabetização de crianças.

Principais princípios do construtivismo:

  •  O centro do processo de aprendizagem é o aluno.
  • O professor não é um mero transmissor de informações, mas sim um facilitador e orientador do processo de aprendizagem, tendo a função de colocar o estudante diante de situações (práticas ou teóricas), para que estes encontrem soluções e, desta forma, construam o conhecimento. Neste processo, a experiência de vida do aluno e seus conhecimentos, anteriormente adquiridos, são de fundamental importância.
  • Os níveis de amadurecimento, desenvolvimento e conhecimento de cada aluno deve ser respeitado e levado em consideração no processo de aprendizagem.
  • Ao docente cabe também a função de incentivar os alunos na busca de novos conhecimentos e na aprendizagem de novos conceitos.
  • O aprendizado vai sendo construído aos poucos. Um novo conhecimento ou conceito é aprendido a partir de conhecimentos e conceitos anteriores.
  • O ensino é realizado e percebido como um processo dinâmico e não estático, como ocorre nos métodos pedagógicos tradicionais.
  • O conhecimento não é entendido como uma versão exata da realidade, mas sim uma reconstrução daquele que está aprendendo.

 

Menu

Arquivos

Institucional